segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Desencontro entre a Vía Campesina e o presidente de Moçambique marcam conferência.

Presidente de Moçambique defende uma nova revolução verde no campo, como um caminho que conduza os trabalhadores rurais na rota da agricultura comercial, enquanto a organização da Vía Campesina defende a soberania alimentar baseada na promoção da agricultura familiar.

Luis Hernández Navarro (Enviado) - La Jornada

http://www.jornada.unam.mx/2008/10/20/index.php?section=mundo&article=037n1mun

Nenhum comentário: